Minha lista de blogs

sábado, 8 de maio de 2021

‘Não encha o saco’, diz Bolsonaro à CPI da Covid por críticas a remédios sem eficácia

"A CPI já definiu as três linhas principais de investigação que podem levar à responsabilização de Bolsonaro e do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello."

Sob pressão da CPI da Covid, o presidente Jair Bolsonaro recomendou a membros da comissão que criticam o uso de remédios sem eficácia contra o novo coronavírus que “não encham o saco”.  A defesa que Bolsonaro fez desses medicamentos, contrariando as principais evidências científicas, tem sido um dos temas principais da CPI.

Não houve sessão da comissão hoje. Durante a semana, os ex-ministros da Saúde Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich afirmaram a senadores que a defesa da cloroquina foi uma das principais divergências com Bolsonaro.

Bastidores: o grupo de senadores independentes e de oposição da CPI já definiu as três linhas principais de investigação que podem levar à responsabilização de Bolsonaro e do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello, detalha a colunista Vera Magalhães.

O que mais foi dito: o presidente voltou a falar sobre um possível decreto contra medidas restritivas, mas não confirmou que ele será editado ou não. Na quarta-feira, ao falar pela primeira vez sobre o assunto, fez uma menção indireta ao Supremo Tribunal Federal dizendo que “nenhum tribunal poderia contestá-lo”. Hoje disse que, caso seja editado, “todos cumprirão”.

Em paralelo: o vice-presidente Hamilton Mourão disse que Pazuello “não pode se furtar a comparecer” à CPI da Covid.


                   Blog do França
             Informação GLOBO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Entidades de Santa Cruz exigem mais vacinas

 "Entidades de Santa Cruz do Capibaribe emitem Nota Conjunta de Repúdio ao Governo do Estado."                                    ...